Inundação – 15a rodada

28 07 2008

Apesar do empate em casa, o Grêmio continua líder do campeonato brasileiro. O Inter perdeu para o lanterna, Ipatinga. Uma rodada em que 4 equipes venceram em casa e 3 venceram fora. Aí vão meus comentários sobre cada jogo:

jogos de sábado 26/7

Fluminense 1 x 3 Cruzeiro: um Cruzeiro estropiado por resultados negativos foi ao RJ com determinação. Creio que o Fluminense deva ter motivos mais do que suficientes para sair logo da incômoda zona de rebaixamento. No entanto, perdeu em casa. O time estrelado volta a habitar o G4, enquanto que o Fluminense não deverá chegar nunca a este patamar, neste campeonato. Creio que pegará uma Sula.

Náutico 1 x 2 Coritiba: taí um resultado que me surpreendeu bastante – não que eu ache o Náutico uma boa equipe, mas o estádio estava vazio e o Coritiba venceu, fora de casa, mantendo um embalo muito preocupante. Já é o sétimo, com 23 pontos – ultrapassou inclusive o Internacional. Já o Náutico mostra que era mesmo um cavalo paraguaio – estacionou nos 18 pontos.

Ipatinga 1 x 0 Inter: estava na minha partidinha vespertina de salão, de todo sábado, por isso não assisti ao primeiro tempo desta partida cujo resultado me parecia óbvio. Afinal, poucos times grandes sucumbiram ao tigre mineiro. Vendo os “melhores” lances do primeiro tempo, deu pra ver que o Nilmar perdeu uma sacolada de gols, como de costume e o Ipatinga meteu uma bola na trave. Fora isso, foi um jogo sofrível. O segundo tempo deve ter sido ainda pior – este eu vi – e posso dizer que os dois times mereciam perder. Mas, por um lance de relativa sorte por parte do time mineiro, conseguiu marcar o gol da vitória. Guto também perdeu um gol incrível, quando o placar já era favorável ao Ipatinga. E a sina de não ter vencido um jogo sequer, fora de casa, continua perseguindo aos vermelhos.

jogos de domingo 27/7

Grêmio 1 x 1 Palmeiras: embora a previsão do tempo indicasse chuva para o Rio Grande do Sul, neste domingo, não imaginei que seria no volume que se apresentou ontem. Já no início do jogo o gramado estava encharcado em vários pontos e isso se manteve por toda a partida, prejudicando completamente a qualidade da partida. De fato, a bola pouco rolava e a única forma de fazê-la mover-se era tirando-a do chão. Apesar disso, o Grêmio teve um certo domínio da partida e teve chances bem significativas de gols. Mas o modo “quem não faz, leva” foi ligado e o porco saiu na frente com um gol de pênalti do artilheiro Alex Mineiro, que foi gerado a partir de um erro meio tosco do Thiego, que quis afastar uma bola, mas deu uma bomba num jogador do Palmeiras. A bola subiu e caiu nos pés do Alex Mineiro, que deu passe excelente para Kléber, que foi derrubado por Pereira, dentro da área. Ainda bem que, logo em seguida, a bola foi cruzada dentro da área palmeirense, o goleiro Marcos afastou-a parcialmente, mas a bola sobrou para Anderson Pico, que dominou no peito e bateu de direita, no canto. Mesmo assim, ficou a sensação de derrota, pelo melhor futebol apresentado pelo Grêmio.

Santos 5 x 2 Vasco: eu imaginava uma vitória do peixe, já que o Vasco demonstra ser um time muito fraco e o desespero toma conta da Vila Belmiro, dando mais motivação ao Santos. De fato, o resultado aconteceu, mas em forma de goleada. Com 3 gols de pênalti (a/c Roger Flores), Kléber Pereira se igualou a Alex Mineiro na artilharia do campeonato. O Vasco é forte candidato ao rebaixamento, na minha opinião. O Santos não saiu da zona da degola, mas pelo menos, não é o lanterna.

Goiás 1 x 2 Sport: resultado pouco importante para a minha vida, mas o Sport mostra que só quer aprontar, já que o campeonato pouco importa. O Goiás continua fora da zona de rebaixamento mas acendeu uma luzinha amarela.

Atlético-PR 0 x 0 Figueirense: um resultado médio, proporcionado por duas equipes médias, que estão loucas para jogar a série B.

São Paulo 3 x 1 Portuguesa: não vi o jogo, mas sei que o SPFW saiu perdendo contra a já rebaixada (rsrsrsrshsr) Portuguesa. Depois tomou vergonha na cara e não deixou desandar a purpurina. Dizem que Ricky saltitava feliz, após o resultado. Não sei de nada.

Atlético-MG 2 x 1 Vitória: um dos dois resultados que interessavam ao Grêmio. Sou favorável à recuperação do Galo, já que não o quero na série B, desde que perca para o Grêmio, na última rodada do primeiro turno, lógico.

Flamengo 0 x 0 Botafogo: um clássico de gols perdidos, pelo que diz os noticiários por aí afora. O Flamengo mantém uma seqüência de resultados negativos admirável. O Botafogo continua com uma certa distância da zona de rebaixamento, mas sem ameaçar o G4.

A próxima rodada reserva, pelo menos, um jogo de grande importância, o embate entre Palmeiras e Flamengo, na quarta-feira, às 21:50. Tanto o Vitória como o Cruzeiro deverão amassar seus oponentes em casa, Atlético-PR e Náutico, respectivamente. O Inter vencerá o Santos, como sempre o faz em casa. E o Grêmio dificilmente vencerá o Coritiba, mas a esperança reside em nossos corações.

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: