Classe média é maioria da população brasileira

5 08 2008

Conforme estudo da FGV, a classe média brasileira passou a representar 51,89% da População Economicamente Ativa (PEA), contra 44,19% de 2002. Com isso, passa a ser maioria, desbancando as classes D e E.

Pelos critérios da pesquisa, a classe E é representada pelas famílias cuja renda mensal situa-se entre zero e R$ 768 enquanto que a classe D (também chamada de “remediados”) está entre R$ 768 e 1064. A classe média, ou classe C, tem renda familiar mensal entre R$ 1064 e R$ 4591. Já as classes A e B, ou “elite”, têm renda superior a R$ 4591.

Vejam bem, é renda FAMILIAR. Algumas famílias têm mais de dois membros assalariados.

Segundo o pesquisador Marcelo Neri, da Fundação Getúlio Vargas, um dos sinais do crescimento da classe média é o aumento de carteiras assinadas – símbolo da classe média, segundo ele. O crescimento desta classe não é reflexo do Bolsa Família, já que a renda auferida pelo programa assistencial do governo é baixa.

É evidente que esta notícia deverá ser amplamente aproveitada pelo governo federal. Mas, sem querer ser amargo, é uma boa notícia e merece ser festejada. É provável que esta informação também tenha algum tipo de repercussão internacional, como tem ocorrido com bastante freqüência, nos últimos meses.

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: