Parabéns, tudo!

28 10 2008

No Central Park. Sim, ela é colorada... :(

Hoje é o aniversário da minha queridíssima esposa, Gra. Ela, que não é leitora do blog (apenas ocasionalmente, quando eu a lembro), tem papel FUNDAMENTAL no sucesso (?) deste. O papel é muito simples.

Se ela não existisse, eu também não.

Simples assim.

No dia 20 de outubro de 2000, roubei um beijo, dentro do ônibus que voltava da Unisinos (saudades). Já sabia que o aniversário seria 8 dias depois, casualmente, num sábado. Meu amigo, José Mathias (Zema) também faz aniversário nesta data (um abrasssssss) e tinha me convidado para a festa. Nós aparecemos lá, de mãozinhas dadas… Foi a apresentação oficial do nosso namoro para a turma.

8 anos se passaram. 6 deles (ou seriam 5?), com aliança. 3 deles, na mão esquerda.

A formula da felicidade continua a mesma. Algo muda, não há como não mudar. Hoje somos dois, sem muita demora, três. Talvez quatro. ;)

Feliz aniversário, minha vida! Que sejam mais uns 81, pelo menos.