Grêmio renova com o Banrisul

10 06 2009

Segundo o colunista Diogo Olivier, da Zero Hora, o Banrisul renovou o patrocínio-master das camisas de Grêmio e Internacional, por mais 3 anos. A melhor notícia foi o incremento considerável do valor pago pelo banco estatal gaúcho: cerca de R$ 7 milhões por ano, com cláusulas para incremento do valor a cada ano – dependendo do desempenho do time, creio eu.

Muito se falava em várias outras empresas terem sondado o Grêmio nos últimos meses, sempre anunciando valores muito superiores ao que vinha sendo pago pelo Banrisul. No entanto, nunca foi confirmado. Pra mim, a coisa é meio óbvia: se fosse mesmo verdade, o Grêmio invariavelmente teria fechado com alguma empresa que pagasse mais. O mesmo vale para o Internacional.

Para uma empresa que tem interesse de patrocinar um clube com extrema visibilidade no Brasil e na América do Sul, já se espera um custo considerável para fazê-lo. No entanto, como dificilmente uma empresa patrocina dois clubes ao mesmo tempo, ela pode eventualmente arcar com um valor mais expressivo. Porém, apesar de que a visibilidade é obviamente maior quando dois clubes são patrocinados simultaneamente, o custo deste investimento torna-se, muitas vezes, impraticável.

Ou seja, uma empresa isolada talvez pagaria 10 ou 12 milhões de reais para Grêmio ou Internacional. Mas não pagaria DOIS patrocínios deste valor, pois aí seu custo saltaria para 20 ou 24 milhões de reais por ano. Eis aí o grande problema do duplo patrocínio, defendido como forma de evitar a desvalorização da marca pelos torcedores rivais – um conceito duvidoso, mas não de todo absurdo.

O Banrisul não deve ter lá grande interesse em manter um patrocínio em clubes com amplitude nacional e internacional. Afinal, sua abrangência é estadual e isso não se modificará, nem no longo prazo. Portanto, o que ganha o banco com consumidores recifenses, goianos ou cariocas? O mesmo não se diria de uma empresa de telefonia, fabricante de eletrônicos ou de qualquer outro bem de consumo não-durável.

É evidente que o Grêmio perde ao renovar com o Banrisul. E o Banrisul, também. Resta saber se um dia alguma empresa terá a coragem de patrocinar somente um dos dois clubes grandes do RS. E provar que este receio histórico é mais lenda do que realidade.

Anúncios

Ações

Information

One response

10 06 2009
Luciano Zanuz

Concordo plenamente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: