Enfim… justiça!

20 07 2009

(Luciano Stabel)

Tô ligado que o Grêmio não tem time melhor do que o Inter.

Tô ligado que o Grêmio está ainda 7 pontos atrás do líder do campeonato.

Mas, PRO INFERNO com estas “ligadeiras” (ns). Só sei que METEMOS ontem. E mais, depois de outros dois grenais em que o tricolor jogou melhor, mas perdeu, finalmente a justiça se fez presente no placar. Não é de hoje que eu venho falando que o Grêmio foi muito prejudicado por ter jogado os outros três clássicos fora de seu estádio. Ontem foi a prova de que eu tinha alguma razão.

cara mais engraçada = Rafael Marques WINS (Edu Andrade/Futura Press)

cara mais engraçada = Rafael Marques WINS (Edu Andrade/Futura Press)

Estádio aparentava baixo público. Os 40.020 anunciados pelo placar no final do jogo me desmentiram, mas havia vários clarões. Significa que caberia muito mais, uns 8 mil pelo menos. Nenhum tipo de comemoração especial, evento, ou algo que o valha, relativo ao centenário do clássico. Penso que as diretorias perderam uma oportunidade que nunca mais retornará – mesmo quando for a comemoração de 200 anos, não será a mesma coisa. Especialmente a do Grêmio, já que o jogo era em seu estádio.

Lindo recebimento do time do Grêmio pela Geral, utilizando dois canhões de filme metalizado picado – a chamada “chuva de prata”. Um espetáculo especial. Além da nova faixa contendo os nomes dos 11 atletas gremistas naquele 18 de julho de 1909. Aposto que aqueles jogadores jamais imaginariam como seria importante esta data…

Novamente o Grêmio começou atacando para onde está a Geral. Normalmente acontecia o contrário. Mas, desta vez, o Grêmio ganhou o sorteio e OPTOU pela modificação no lado. O Inter já tinha se posicionado à esquerda das cabines e teve que ir para o outro lado. Acredito que esta “tática” será repetida em outros jogos.

O jogo começou com uma certa pressão tricolor, alguns chutes a gol, mas nada que oferecesse muito perigo. Depois de uns 18 minutos, o Inter passou a dominar o meio-campo e impedir os avanços gremistas. Com muita dificuldade chegava ao ataque mas conseguiu assustar com uma boa cabeceada de Sorondo, após escanteio pela direita, defendida por Victor.

Depois de uma frustrada cobrança de escanteio da direita do ataque tricolor, Andrezinho saiu rapidamente, lançando Nilmar que conseguiu passar por Souza (com excessiva facilidade, no entanto) e tirou de Victor. Grande decepção na massa azul. Eu só pensava: “precisamos empatar logo, precisamos empatar logo”.

mochilas TAISON (Jefferson Bernardes/Vipcomm/Divulgação)

mochilas TAISON (Jefferson Bernardes/Vipcomm/Divulgação)

Não demorou tanto, ainda bem. 11 minutos, pra ser mais preciso. Numa cobrança de falta perfeita, Souza empatou a contenda e voltou a dar equilíbrio ao placar. Alívio é a palavra que descreve a sensação que eu tive. Deu pra notar que o restante do primeiro tempo foi burocrático e os dois times estavam relativamente CAGADOS, preferindo não arriscar.

(Lucas Uebel/Preview.com/Gazeta Press)

A partir do gol gremista, não se ouviu mais um PIO da torcida colorada. Me impressionou muito isso. Em compensação, a tricolor estava EM CHAMAS, enlouquecendo muito a cada minuto que passava. O campo sentiu isso. O segundo tempo teve o nome de GRÊMIO, do início ao fim. O Inter desapareceu e o tricolor deve ter tido uns 80% da posse de bola… Ok, talvez um pouco menos.

Depois de Réver dar uma boa cabeceada aproveitando escanteio, foi outra cobrança de tiro de canto que rendeu o engasgado GRITO de gol. Da vitória! Aos 24 minutos, Tcheco cobrou escanteio da direita, a bola sobrou para Réver, que mandou um bago, que explodiu no peito de Guiñazú e sobrou redonda para Maxi López mandar de cabeça para as redes.

GANHAMOS (Luciano Stabel)

"GANHAMOS" (Luciano Stabel)

Daí, ainda teve uma chance linda, em um lance que Maxi López fez jus à sua fama de TROMBADOR, venceu Índio e Sorondo na base da PEITADA, dominou e esperou a aproximação de Herrera. Quando chegou, tocou macia pro outro argentino bater forte no POSTE esquerdo de Lauro. Faltou pouco para o terceiro e definitivo tento.

Depois disso, foi só amorcegamento, mas o Inter não esboçou reação. Victor praticamente passou o resto do jogo NANANDO.

Fazia MUITO tempo que eu não assistia ao Grêmio vencer um Grenal no Olímpico. O último tinha sido em 2000, com o TRAÍRUCHO vestindo a tricolor. Desde ENTONCES, só havia visto empates 0x0 em 2006, 1×1 ano passado, no Brasileirão (gol do Roger SECCO). Que sensação boa, não há como explicar.

Saindo do estádio, a massa cantava “Aonde estão, ninguém os vê, cadê os p… do Inter?”.

Fazendo uma análise do jogo: não entendo porque tanta rasgação de seda para Mário “doril” Fernandes. Ele jogou muito bem o segundo tempo, mas não é um jogador desta função, apoiava pouco. Mas mostra grande qualidade no desarme e na saída pro jogo. Tem potencial.

O time não foi brilhante, errou várias jogadas básicas, mostrando certo nervosismo. O sistema defensivo funcionou bem, à exceção do gol colorado, quando houve uma espécie de BLECAUTE na defesa gremista. Quem, na minha opinião foi o pior em campo foi o Tcheco. O segundo tempo dele foi ainda pior do que o primeiro, diferentemente do resto do time, que mostrou melhora na segunda etapa. Não conseguia dar rapidez às jogadas, errava muitos passes e perdia bolas fáceis. Não sei o que tem o capitão do Grêmio. Reforço a minha ideia de que precisamos de uma sombra, urgente.

Herrera também teve uma tarde infeliz. A entrada de Jonas era quase garantida. Talvez devesse pegar banco na próxima partida.

Ainda acho que um lateral de função deverá dar melhor resultado do que um zagueiro improvisado, na direita. Autuori deveria tentar Joilson aí, até porque ele jogou muito poucas vezes no time e não teve muita chance de mostrar serviço. Eu, sinceramente, tive boas impressões dele. Mesmo Makelele deverá dar retorno melhor nesta função, pois tem muito mais “cacoete” para o apoio. Mário deve ter novas chances, mas na zaga. Ele certamente terá oportunidades, pois a defesa sempre tem a maior incidência de cartões amarelos e suspensões.

Agora é PAPAR o Avaí quarta-feira, pra começar a fazer campanha também fora de casa.

Anúncios

Ações

Information

2 responses

20 07 2009
Fernando Razera

Cadê a torcida deles, hein? Ainda quando estava 1×0 pra eles a torcidinha sem graça calou e assim ficou até o fim do jogo. Aprendam com a Geral como é que se faz espetáculo! DÁ-LHE GRÊMIOOO!!! TOMA!!!

21 07 2009
Luciano Zanuz

Aonde estão, ninguém os vê, cadê o p… do intêr?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: