Desagradando a gregos e troianos

22 05 2009

O treinador anão conseguiu uma tarefa difícil: uniu gremistas e colorados nas queixas contra a seleção brasileira. Com a convocação de Kléber e Nilmar do Inter e de Victor do Grêmio, para os próximos jogos das eliminatórias da Copa do Mundo de 2010 e também para a Copa das Confederações, que acontecerá na metade do mês de junho, na África do Sul.

Detalhe: Nilmar será reserva. Victor será segundo reserva. De goleiro. As chances dele jogar alguma partida nesta convocação são de 1 em 3.598.000. Aliás, que besteira mandar 3 goleiros concentrar… Porque não convocam e mandam apenas dois e, caso um deles se lesione, manda outro às pressas?

Mas a razão do post não é essa.

É fazer o que o mundo gaúcho tem feito. PRA QUE ISSO? Pra que desfalcar os dois times em suas competições mais importantes no primeiro semestre? Pra deixar os jogadores esquentando o banco? No caso do Victor, não há explicações possíveis. Porque não convocar alguém da Europa, já que a temporada já terá acabado por lá? Falta de bom senso total de Dunga.

Apenas não exagerarei pois acredito que é um momento muito feliz na carreira de Victor. Ele não está triste com a convocação, tenho certeza. E devemos respeitar sua alegria.





Me tapei de nojo

21 10 2008

A palhaçada continua: Kléber foi absolvido.

Eu cheguei a pensar que o $TJD passaria a ter rigor contra outros clubes, para manter algum resquício de coerência, etc. Mas não. Agora está provado que a coisa é parcial mesmo.

Kléber é um jogador descontrolado. Não por menos, essa foi a QUINTA vez que ele foi julgado no $TJD. E ele foi absolvido nas 5. Se ele REALMENTE não tivesse a intenção, então que vá aprender a jogar bola! O Kléber ABRE A ASA quando pula e, “coincidentemente” acerta a fuça de alguém. E os auditores do $TJD “caem na lábia” do baixinho.

O $TJD vem acabando com o futebol. O pior é que cretinos como esse estão achando isso bonito.





Bandidagem

16 10 2008

Sujeira e

Trapaças na

Justiça

Desportiva

Guardem estes nomes:

– Mário Antônio Dantas de Oliveira Couto (RJ)

– José Teixeira Fernandes (RJ)

– Raphael Reimol Domech (SP)

– Nicolau Constantino Filho (SP)

– Giseli Amantino (PR)

Esta é a composição da terceira comissão disciplinar do STJD, que votou, por UNANIMIDADE, pela suspensão de 3 jogadores gremistas na noite de ontem. Réver foi suspenso por 3 jogos, em lance que nem expulso foi. Chengue Morales pegou OITO jogos de suspensão, apesar de ter levado apenas AMARELO no lance. Léo, por sua expulsão no jogo do Botafogo, pegou nada menos que CENTO E VINTE DIAS de gancho.

Se alguém conhece estes auditores do STJD e se cruzar com eles em algum restaurante francês ou algo assim, XINGUEM-NOS, CRITIQUEM-NOS, HUMILHEM-NOS.

Por que, sinceramente, estes ABUTRES nem merecem ser chamados de GENTE. São SANGUESSUGAS, VAGABUNDOS, criaturas verdadeiramente VIS e ABOMINÁVEIS.

NOJO chega a ser um sentimento CARINHOSO em relação a estas anomalias.

Pra quê jogar esta BOSTA de campeonato brasileiro, se é sabido que um time gaúcho NÃO PODE MAIS ser campeão? O STJD sempre está prontinho para atuar, eliminando as vantagens dentro de campo.

Se o STJD é parcial? Vou listar abaixo a lista de auditores e procuradores do tribunal. Vejam quantos representantes de nosso estado estão listados:

STJD – TRIBUNAL PLENO
1- RUBENS APPROBATO MACHADO (OAB/SP) – Presidente
2- VIRGÍLIO DA COSTA VAL WAGNER NASCIMENTO (CBF/RJ) – Vice-
Presidente
3- JOSÉ MAURO COUTO DE ASSIS (CBF/RJ)
4- FRANCISCO ANTUNES MACIEL MÜSSNICH (CLUBES/RJ)
5- CAIO CÉSAR ROCHA (CLUBES/CE)
6- ALEXANDRE HELLENDER DE QUADROS (OAB/PR)
7- ALBERTO DOS SANTOS PUGA BARBOSA (ATLETAS/AM)
8- DÁRIO ROSSINE DE FREITAS GÓES (ÁRBITROS/SP)
9- FLÁVIO ZVEITER (ATLETAS/RJ)

STJD – COMISSÕES DISCIPLINARES
PRIMEIRA COMISSÃO DISCIPLINAR – reuniões às segundas-feiras
1 – HENRIQUE CÉSAR HICKMAN DOMINICI (RJ) – Presidente
2 – WAGNER NASCIMENTO (RJ)
3 – LAERTE IDALINO MARZAGÃO (SP)
4 – RICARDO GRAICHE (SP)
5 – DIOGO MENDES ECHEBARRENA (RJ)

SEGUNDA COMISSÃO DISCIPLINAR – reuniões às terças-feiras
1 – PAULO VALED PERRY (RJ) – Presidente
2 – MARCELO TAVARES (SP)
3 – OTACÍLIO ARAÚJO (RJ)
4 – JOSÉ PEREZ DE REZENDE (RJ)
5 – FRANCISCO DE ASSIS PESSANHA FILHO (RJ)

TERCEIRA COMISSÃO DISCIPLINAR – reuniões às quartas-feiras
1 – MÁRIO ANTONIO DANTAS DE OLIVEIRA COUTO (RJ) – Presidente
2 – JOSÉ TEIXEIRA FERNANDES (RJ)
3 – RAPHAEL REIMOL DOMECH (SP)
4 – NICOLAU CONSTANTINO FILHO (SP)
5 – GISELI AMANTINO (PR)

QUARTA COMISSÃO DISCIPLINAR – reuniões às sextas-feiras
1 – RENATA QUADROS (PR) – Presidente
2 – ROBERTO TEIXEIRA (RJ)
3 – PAULO HENRIQUE BRACKS DUARTE (MG)
4 – RODRIGO FUK (RJ)
5 – WASHINGTON RODRIGUES DE OLIVEIRA (SP)

PROCURADORIA
I. PROCURADOR-GERAL
PAULO MARCOS SCHMITT (PR)
II. COORDENADORES
RAFAEL FIORAVANTE ALVEZ VANZIN (RJ)
LUIS FELIPE CARRAPATOSO PERALTA DA SILVA (RJ)
CAIO POMPEU MEDAUAR DE SOUZA (SP)
WANDERLEY REBELLO DE OLIVEIRA FILHO (RJ)
III. DEMAIS MEMBROS
ALESSANDRO KIOSHI KISHINO (PR)
LEONARDO SERAFIM DOS ANJOS (SP)
RODRIGO JOSÉ TEIXEIRA DE OLIVEIRA (MG)
RAFAEL JAZAR ALBERGE (PR)
MARCIO FERNANDO ANDRAUS NOGUEIRA (SP)
FELIPE BEVILACQUA PESSOA (RJ)
PEDRO MENEZES TRINDADE BARRETO (RJ)
SERGIO DA SILVA SANTOS (RJ)
WILLIAM FIGUEIREDO DE OLIVEIRA (RJ)
ALDO ABRAHÃO MASSIH JR (SC)
ENIO POUBEL DE CARVALHO (RJ)
JOSÉ ROBERTO CHIEFFO JUNIOR (SP)
MARAN CARNEIRO DA SILVA (PR)
MÉRCIA REGINA POLISEL FERNANDES SILVA (SP)
PAULO CÉSAR SALOMÃO FILHO (RJ)
VINICIUS VIEIRA (SP)
ADEMAR PEDRO SCHEFFLER (RS)

Sim. Apenas UM MEMBRO da procuradoria.

Entreguem logo A PORRA do caneco para a MERDA do Palmeiras.





Queda do Protógenes tem dedo de Tarso Genro

16 07 2008

Conforme informação do jornal O Estado de São Paulo, também divulgada pelo Zero Hora, a queda do delegado Protógenes Queiroz do comando da operação Satiagraha (de onde eles tiram esses nomes, meu Deus?) seria uma solicitação pessoal do Ministro da Justiça, Tarso Genro. A alegação é de insubordinação, especificamente, por ele ter convocado agentes da Agência Brasileira de Inteligência (ABIN > CIA).

Ontem eu perdi um pouco de tempo tentando ler o famigerado relatório, lançado em primeira mão à internet pelo Claudio Julio Tognolli, do Consultor Jurídico. Li só alguns trechos, sem muito tempo e pretensão. Pude ver que o trabalho é minucioso e bastante eficiente, no ponto de vista investigativo. Creio que é praticamente impossível ao Daniel Dantas escapar destas acusações.

O relatório também é polêmico por causa de erros de português cometidos pelo delegado. Insistir demais nesse aspecto é fazer o velho jogo político de depreciação do acusador, tentando fazê-lo perder crédito. Mas, o que de fato vai arruinar as pretensões de se prender Daniel Dantas em definitivo, é o teor altamente ideológico do documento. Protógenes cita “autores renomados” como Noam Chomsky e Jean Ziegler, reconhecidamente esquerdistas (e totalmente fora de propósito com o objetivo da investigação). Mas ainda piores são os termos ufanistas utilizados por ele, como “a fim de evitar o mal maior, estará de prontidão para agir ao menor movimento de CORSÁRIOS SAQUEADORES das riquezas de nosso país”.

Só pergunto uma coisa: pra quê? Para que utilizar termos como esses em um relatório sério e formal? Para que escancarar sua vertente ideológica, quando poderia fazê-lo diante de seus amigos e jamais numa investigação policial? Enfim, Protógenes (nunca canso de dizer esse nome) tinha uma grande chance de encerrar definitivamente um dos maiores fraudadores e sacripantas que este país já viu – e olha que foram MUITOS.

Enfim, a ousadia do delegado causou incômodos, tanto que o ministro do STF Gilmar Mendes agiu rapidamente para livrar Dantas do xilindró, DUAS vezes. Agora Genro está tirando-o da jogada. Mas, para NOS TAPAR DE NOJO, nada pior que a “grande” discussão que se está fazendo, sobre a truculência da PF na operação. Isso é demais.